segunda-feira, Dezembro 03, 2012

ti jei

quinta-feira, Novembro 29, 2012

posta restante

(parece que) esgotei o não sei quê do não sei que mais
acabou-se (nem sequer boas) a inserção (inserir, inserir) de imagens
é recomeçar em outro lugar... com outro nome... com outra conta...
ou não

Chants d'Auvergne

a mesma luta

terça-feira, Novembro 27, 2012

de trás da orelha



bue da mísseis

a "in-dig-nação" da mena blasfema (em um blogue não nomeado onde há muito, por pura higiene do espírito, deixei de assomar) ganhou aqui (velhos e porcos hábitos demoram a morrer...) ecos d'esbirro
seis meses... seis meses de suspensão...
é aproveitar o local (não vá alguém por entre o público cantarolar os subversivos versos...) é aproveitar o local e gasear a escumalha toda...
o link para o blogue, esse, segue o rumo de tantos outros...

recherche

interessante seria saber, da (improvável) influência das observações de Kevin Roche (...) nas Torres chinesas, perdão, indianas, do Souto
a reportagem (é só bonecos de página inteira...) do proj. no (ainda último) JA 245 também (nem a porcaria de um corte...) também não esclarece (ah, mas paramétrica...) nada...
dos equívocos (muito Martin Pawley...) da "arquitectura-torre-máquina" outro tanto, ou mais, teriamos, e tivemos, esta tarde *, a comentar
a releitura de alguns dos clássicos de Alan Colquhoun (para feito do mesmo e-feito de "desmontagem"...) também tenho por oportuna
fui

(eterna gratidão a quem aqui comentar com o "link" para a inspiradora torre indiana...)

* dei (pelo Souto) :) o meu melhor... ao comparar as minimais subtilezas (da a-variação da figura ao invertido da forma) a uma açorda (d'autor) gourmet :)

segunda-feira, Novembro 26, 2012

7

post duplo

grande coisa... (só) eu (só) hoje projectei uma escada * com 13 (9+4) degraus inspirada na milenar e ancestral filosofia alentejana - mais "subtil" que aquilo as pessoas em geral e os gajos do norte em particular, etc.
a despp. do mesmo tema (ou não): Paulo Martins Barata escreveu um (autêntico - volta Paulo de Carvalho...) "guia do adeus" (ao qual não falta sequer um elogio - pena aquilo do fri-port... - ao... "Homem"...) que achámos (os dois) espectacular
de cínico
pois ide... ide todos... projectar hospitais (privados), salas de concerto, torres (o diabo!) pró Oriente (e em força) e deixai-me (só) a mais as minhas tamanquinhas (tamanco!) dos meus (e deles...) degraus...
já ontem à noite também tinha gostado muito do elogio do Souto a Cabrita Reis (o cosmopolita, o  dionisíaco...) naquela tanga daquele doc. que (ah quando o Relvas acabar é que vai ser mesmo bom...) que passou pelo canal
2

rising

sábado, Novembro 24, 2012

especial febre

Numbers

Obscestvo izucenija Poeticeskogo Jazyka

admirável, na cachaporrada (em cascata ***), a intuição
e-coa (ou não e-coa), na crítica ao "gosto" (like) das "palavras (pelas palavras)", a feroz (brutal, repressiva) crítica do georgiano ao (burguês, decadente) formalismo
um maluco é um maluco é um maluco
o CV que não me leia

Timebomb (as pessoas que)

sexta-feira, Novembro 23, 2012

weekend

palavras

d'n'b

quinta-feira, Novembro 22, 2012

mais uma posta sobre resgates

as pessoas que não gostam de Pop # 3 e 4

no outro dia (...), no outro dia em que fui a acertar a hora no relógio do carro, ouvi a "versão" em português para este tema
não me pareceu (mas estava sol, e calor, dentro da viatura...) mal de todo...
já num outro dia (...), já num outro dia ouvi um (outro) tema, novo, mais recente, do mesmo autor e "pensei": s'isto fosse cantarolado em estrangeiro tinha meia casa aos pés...
uma posta sobre Miguel Ângelo, o cantor, aos dias d'hoje...

eu sei (ouvi, também, em ainda um outro dia, mas ainda no mesmo carro) que há quem "pense" que os Coldplay (o nível, o ph indie, desta posta...) que os C. "cairam do escadote" ao embarcar em um "dueto" (...) com a bela Rihanna...
mas eu sei que é ao contrário

também gostei (muito, estou a gostar) muito de ler

as considerações, em uma das públicas conferências de R.M. Schindler, sobre Cultura e Civilização (em especial aquela parte em que ele, o R.M. Schindler, linka Cultura com arquitecto e Civilização - que ainda hoje fui mais uma vez xamado de... - com engenheiro...)
eu desenvolvia mas...
agora - termos que ir... - ao feijão...

conclusão

apercebi-me, a meio da "tarefa" da tarde de hoje, ter vindo a gastar quase todas as minhas (preciosas) energias a inventar projectos alternativos para obras concluídas... a inventar projectos alternativos para obras "quase" concluídas... a inventar projectos alternativos para obras em vias de...
conclusão... conclusões...
estou certo de haver pelo menos uma...

... acabou-se-me logo a teoria

moldavo assentador de lancil ---> AM, AM ---> Ruskin, Ruskin ---> Frampton, Frampton ---> AM, AM ---> Middleton, Middleton ---> Watkin, Watkin ---> AM *, AM ---> moldavo assentador de lancil, moldavo assentador de lancil ---> máfia do leste --->

* não sabia ser o Ruskin um dos heróis do seu Proust... :)

quarta-feira, Novembro 21, 2012

Arquitectura ou o que é suposto fazer quando não é suposto fazer

ainda falta muito para as nove?

21

um tipo tem que admitir que está a ficar um pouco paççado quando recorda - recorda como se ontem tivesse sido... - quando assim recorda declarações com mais (maiores) de 21

(o estado em que eu estou)

- eufó rico
- euró fico

domingo, Novembro 18, 2012

Out of the Blue

sábado, Novembro 17, 2012

ontem à noite estava já demasiado cansado (da piscina e tal) para "relatar" isto

a imprevista visita da tarde à "minha" obra (calhou de levar o pullover certo) correu melhor, com mais prazer, que a (da) última (vez)
no dia da abertura do bar (e com o bar "aberto"...), a arquitectura ganhou (sim, ganha), ganhou logo, outra... vida...
a fonte urinol da loira na posta d'então (desculpa lá a insistência, ó Duchas!), ganhou, nas palavras do simpático (nome de imperador) Octávio - o "explorador" - o nome de "fonte dos desejos" (em link alheio - que não meu - para a de Trevi e tudo...)
a acústica da de convívio (no equilíbrio dos graves e dos agudos e o cepo...) muito elogiada
críticas (até mais as minhas auto...) para o "frio" (do) mármore (no verão é que vai ser mesmo bom...) e para mais duas ou três coisa, cenas, que isso não foi o Sr. Arquitecto (ai fui, fui...) a escolher, pois não...
quinta, (catch) 22 (não que eu trabalhe por mais que por prazer), há nova vistoria, desta vez, coisa séria, d'oficial, para "libertar (em legalíssimas percentagens) garantias"
eu depois logo as... "conto"...
ou não

ainda (mais uma...) sobre os ressabiados da crítica

o menage literário (A3) entre o Capt., o Alf e o Ex-VP

sexta-feira, Novembro 16, 2012

tá a rir

boa pá! agora a "classe média" (cof. cof.) d'angola já não precisa de a-correr ao stand de vendas daquela coisa do "Byrne" ali para os lados da linha (...) para poder gozar as alegrias de apartamentos (é ver aqueles inacreditáveis T2...) com corredores de 40 M :-)

e o que fará um boneco da "primavera" na praça Tahrir (em Angola...) por entre as demais "imagens conceptuais"...

à margem

à margem da desgraça que se abateu esta tarde sobre o algarve e muitos dos seus habitantes (a quem aproveitamos para manifestar solidariedade e desejo de rápido regresso à "normalidade") registo as palavras de uma (ex?) autarca citada num dos "telejornais":
tinhamos acabado de intervir nas margens do rio e agora não temos dinheiro para fazer mais nada *

* as palavras podem não ter sido precisa e exactamente estas (que eu não estou, da crónica, para fiel) mas estas traduzem bem, do sentimento, o absurdo...

quinta-feira, Novembro 15, 2012

do disco History

once upon a time

quarta-feira, Novembro 14, 2012

imagens que vou recolhendo um pouco ao calhas


terça-feira, Novembro 13, 2012

La Statue

Statue of a Fool

2 comentadores

R.R.Dias

lembrei-me de si ao saber que a AA está para publicar, na sua (muito) simpática colecção Architecture Words (de que por aqui também já demos "sinal"), um volume dedicado à sua Lina Bo Bardi com o (prometedor) título Stones Against Diamonds
diz que é a primeira antologia de textos da autora traduzidos para a língua do Shake
terá (o "conteúdo" propriamente dito imagino que não seja para si mais que "old news"), terá, se não outro pelo menos esse, "interesse"

Capt. Paddock

a "encomenda", sem programa mais detalhado que o apimente (e sem ao menos uma daquelas "localizações" para exercício escolar...) não encontra maneira de arribar

segunda-feira, Novembro 12, 2012

cascatas

cascatas de comentários

Omega Male

domingo, Novembro 11, 2012

CHP

... agradecer a Deus (Nosso Senhor) ter-me feito (nascer) para sempre diferente das pessoas (de bem) que projectam estas coisas... (e que citam - pudera, Mestres... - Heidegger...)

pobre cliente... (ou familiares... ou amigos...), se calha de "cair" numa cadeira (o DL 163/06 aplica-se em Belas...), numa cadeira de rodas...
pobres crianças... se as houver (a "habitar" ou de visita) lá por casa... com uma lareira - toda jeitosa... - assim tão a jeito...

(... agradecer também aos Deuses todos d'Angola... por não estar lá para aturar isto...)

de luzes (acesas)

a letra deste tema / desta música é tal modo genial que quase dispensa (ou dispensava?) a embebedela do tube

sábado, Novembro 10, 2012

mártir (eléctrico)

a questão é: um@ Qal'at Saman para coluna (eléctrica), como seria?

terra batida

por coisa da idade que leva agora o meu A.
jogava, aos jogos de tabuleiro, nos patamares
organizava, as nossas brincadeiras (e aos médicos...) na terra batida (ainda por calcetar) dos gavetos, nas (mal-tratadas) traseiras dos quarteirões, nos bravios arredores (das hortas e das valas) dos terrenos (mais sabia eu...) por urbanizar...
torneios a-variados (uma ou outra cabeça partida...), de velocidade (de pontaria...), no arruamento em "beco" com quase nenhum trânsito
a ("aprendizagem formal" na) escola ficava para lá de depois, colada à linha férrea
voava, nas horas dos "furos" (embora isto fosse também já mais tarde...), para o museu
convivia, em todas as ocasiões, com as (famílias das) outras crianças proletárias: na fila (em passando a sapataria no prédio velho...) na fila para o leite (aquele dos pacotes, moles, de plástico, que havia, depois, que ferver...), na fila para o bacalhau...
os nossos amigos viviam como, e ao pé de, nós
havia hóspedes em (outras) casas
e familiares, de vez em quando, a dormir onde e como... podiam...
no prédio do lado vivia uma catequista (um em outro prédio já tinha o último jogo...)
a vizinha do segundo (esquerdo) era ("a") costureira
havia salões de cabeleireira e padarias nos apartamentos do rés-do-chão sem pretensões (a vida como ela é), sem caganças Nova-Iorquinas...
no natal (filhoses espalhadas por toda a cozinha), no natal presente (ou roupa)
no verão tempo... livre...
all good things
all good thing don't have to end

segundas

primeiras impressões

mas dadonde é que tu foste a-buscar a ideia (num desses teus links manhosos :)  - ou o cepo) que a interpretação dos sonhos (video really killed the radio stars?) acabou (de vez?) com as casas-segredo!!!???...
as casas de Loos, our (very own) Freud, estão cheias, carregadinhas mesmo, de "mistério"... e até nas (marquises) envidraçadas (madraças) de Mies ou da ("eva"...) sua filha (...) Philip Johnson há mais para além de...
da condição do ateísmo contemporâneo, quotidiano, não há como escapar...
antes perdido que iludido?
se Deus quiser...

Free Mação ou "como reconhecer um" (em, aproximadamente, 666 segundos)

quinta-feira, Novembro 08, 2012

post post sobre arquitectura e boxe

posta tardia sobre losangos

quarta-feira, Novembro 07, 2012

This Is Not A Song, It's an Outburst: Or, The Establishment Blues

esta é mais... "Mação"

terça-feira, Novembro 06, 2012

Joseph (finas)

o saxofone é pouco mais antigo que o betão armado

mandei, pedi, para alinharem o enterro do depósito com, e




ganas

gostei das ganas - chegou a afastar o Lucho de uma disputa pela bola... - das ganas com que o Castro entrou em campo

... patavina

um ser humano, espectacular, filmou
eu, não desfazendo da minha espécie, partilhei
a blogosfera mal, se de todo, tremeu
isto é uma gente capaz de passar à porta de uma igreja barroca (e/ou ainda de uma das mais antigas), ouvir um gajo a martelar umas fugas e passar sem passar...

(arco) santi

tem por sentido (de miçção) a presente, informar não haver memória de ter sido o mui respeitável Arquitecto Fernando Távora suspeito de tendências anti-capitalistas e/ou de simpatias comu comu comunistas...

de "Mação", começo a esperar nada mais nada menos, que a fundação ("anjos" embebidos em "ética" exemplarmente "reformista" - ou será apenas revolucionária... - não faltam...), esperar a "re-fundação", de uma nova... ordem...
monástica...
pois que por lá fiquem... para sempre... a lançar (qual Paolo Soleri...) da primeira pedra - a do futuro... - as sementes...

Ahoy (e outras fatias)

acordei (Pop) estupidamente feliz
larguei o posto (na frente, "inimiga") a assobiar (o da verde vila da sociedade de preservação)
o doutor (do dia) receitou (nada mais interessante que) "lágrimas artifíciais"
a canção de protesto (kumolinho, 2012) está de regresso
o elegante suporte à faixa da greve geral recordou-me o não menos elegante "sinal" para a entrada da Exposição Nacional Marítima (AvE, Roterdão, 1950)
no domingo (temos pena, Susana Ventura), no domingo a Micaela sai de dentro de um bolo de chocolate
ou já aconteceu ou está para acontecer

segunda-feira, Novembro 05, 2012

whips of wisdom

gostei, no entanto, de recordar, o lugar da "vida sexual", nas considerações "domésticas", de Hannes Meyer

disco do dia

foi naquele programa em que "o" jornalista está sentado em uma cadeira a mostar a peúga (a perna na posição de um ponteiro de relógio...) e o sapato envernizado...
simpático, sim... in a sub Arthur Lee kind a way...

domingo, Novembro 04, 2012

km 27

ao mesmo tempo que as duas mais conhecidas figuras da arquitectura em Portugal choram o fim (...) das encomendas e aconselham (os outros...) à debandada, um grupo de arquitectos propõe-se a fazer não sei bem o quê (ou sei...) em... Mação
às setas (todas elas) viradas para fora de Siza e Souto, respondem (os a-tivos viriáticos - quais "gauleses"... - de Mação) com o "X" quebrado das setas (ou serão lanças...) viradas para... dentro...
ao "adeus" de S&S respondem com o enquistamento em ofensivas trincheiras (da classe e da "disciplina" - pois...) e com o forçado, obrigatório mesmo, enlistamento de... "inimigos"...
e "inimigos" (por Deus, "inimigos"...), "inimigos" é o que parece, ao "programa" (para todos os des-gostos...), não faltar...
aos parlaticipantes na coisa será dada a bonita soma de 666 segundos para desenbestarem da rectangular arquitectuga do rectângulo sobre a (ainda mais bonita) forma (quilómetro 27...) de... maratona...
pretendem-se "compromissos" ("colectivos"...), "pistas" ("operativas"...) e "linhas" (brancas...) d'acção...
o Tiago - enrodeilhado entre lobos (maus) e capuchinhos (vermelhos...) - está (sempre o-timista, meu caro...) esperançado em produtivos (não vale a pena buscar na wikipédia...) ecletismos...
no resto... nada melhor - para "incendiar" a participação na "concentração" e o debate... - que um blogue sem caixa de comentários...

(para o TAN, com um abraço)

sábado, Novembro 03, 2012

interiores

cheguei a ter ficheiros de desenho assistido com este nome

Mourning

- AM
- PM

sexta-feira, Novembro 02, 2012

gostava de saber escrever

quinta-feira, Novembro 01, 2012

Ivo Poças Martins e Matilde Seabra (avaliação intermédia) :)

não gosto de tudo da mesma maneira...
daquilo que gosto mais, do exercício mínimo da Casa da Léa II à feliz experimentação do projecto para a Casa em Vale de Prados (nos projectos de "origem" parecem menos à vontade...), daquilo que gosto, gosto muito

(encavadela)

a redondela do FeMI no lugar da armilar

quarta-feira, Outubro 31, 2012

as pessoas que não gostam de Pop # 2

o vídeo da God Gave Me Everything do Mick Jagger é, na realidade, posterior à capa do The Facts of Life dos Black Box Recorder

enquanto não chega (que está, espero, quase)

para grande felicidade do meu feriado

recebi o the architect says
um livro sobre quotes, quips, and words of wisdom
um livro tanto mais estranho quanto se sabe ser a sabedoria, um "a-tivo" cada vez mai raro...
é compilado (...) por uma tal de Laura (S. Dushkes) que eu não faço a mínima ideia, nem muito interessado estou em querer saber, quem seja
termina (por Deus...) com a Wisdom do Labrego Wood...

terça-feira, Outubro 30, 2012

Star (Trek)

do somatório (sem valor acrescentado...) da "mixórdia" do Watergate do grande Moretti com o futurismo passé do "caminho das estrelas" não poderia resultar maior pudim

em geral

segunda-feira, Outubro 29, 2012

aquilo que eu ando a perder por também não ler jornais...

Etiquetas:

Land Lovers

feliz da vida

esta manhã vi um cão, louco de felicidade, com uma galinha morta, antes não sei, na boca

domingo, Outubro 28, 2012

88

MM

duetos (quase natal)

sábado, Outubro 27, 2012

o mercado (e outros trabalhos recentes...)

é justo, é pelo menos parcialmente merecido, que sejam também os arquitectos, a pagar (não que todos tenham sido chamados a receber...), a pagar a... "crise"...
veja-se, a exemplo, alguns trabalhos recentes dos ARX (para perder tempo com isto que perca tempo com os melhores...)
o desperdício do ("pequenito"...) mercadito municipal (e a entidade vai nisto???...) de Abrantes para começar... (quase inacreditável na falta de educação - boa vizinhança! boa vizinhança! - na falta de educação com que "avança" pelas traseiras - a-dentro - da linha dos quintais vizinhos...)
a (bela) "expansão" (expand your architecture...) do Museu (but does Ílhavo really need it???...) do M. Marítimo...
a betonização (quem não estudou numa "máquina de educar" como os quadrados blocos daquela que acredite na colossal escala...), a betonização (PE quão longe foste...) da secundária de Caneças...
todo o betão, também, da moradia (mas aí é dinheiro deles...) da cidade - mártir... - de Leiria...

re caída

dois links
o primeiro para o link, para o auto-link, que o Tiago aqui postou
sim... claro... mas o "problema", não é, nunca foi nem nunca será (a arquitectura... decai...), a falta de trabalho... o "problema" é... o "problema" é quem (ao nosso trabalho...) o (a) pague...
podemos sempre imaginar brigadas de intervenção (de joker-arquitectos) ambulantes... dispostas a remendar coberturas e a consertar (concertinas) janelas por comida mas não seria bem a mesma coisa... (pois não!?...)
podemos sempre imaginar as sub-seitas (cedofeita!) da "escola do porto", colectivamente organizadas na salvaguarda (património à escala mundial...) da lâmpada da cozinha da casa da avó do Siza (ou lá o q'era...), mas isso seria já entrar pelos caminhos (futuros) do (novo) misticismo pós-revolucionário...

e neste link entronca também (que não no entrocamento), a "notícia" (mt obg J.) da (primeira... international...) Concentração Portuguesa de Arquitectos em Mação
da armação da barraquinha à democrática eleição para Miss T-Shirt molhada...
eu até gostava de ir mas tenho receio que isso do Brunch oferecido pela entidade seja alguma espécie de pucarinhas (adoro - como em Nabokov: pu-ca-ri-nhas... - a lascívia desta palavra) alguma variedade, por mim desconhecida, de benenosas...