quinta-feira, abril 05, 2007

Intervenções na Cidade - MOB

Estive para aqui a pensar no assunto (estou certo que vocês pensaram muito mais), mas, e em última análise, será que é muito "interessante" ou "útil", pensar na "diluiçao" da 2ª circular nas diversas "malhas" urbanas (e alguns bairros de lata...) com que confronta? É que a 1ª circular, ainda hoje lá está (e sim, concordo que são realidade diferentes...), e sem dramas de maior. Ao fim e ao cabo, a 2ª circular é, actualmente, um dos elementos que melhor estruturam o desenho e "a imagem da cidade".

Já quanto à substituição dos telhados pelos terraços, discordo em absoluto, mas não me vou alongar em comentários.(Recentemente passei por Coimbra e fiquei muito desagradado com um "edifíco-quarteirão" no centro da cidade - dá para ver no google earth - em terraço... que rebenta com a escala e a "cor" da envolvente. Uma desgraça.)

Gostei mais da "ideia" do que da "imagem" da proposta dos novos materiais. "Grelhas de enrelvamento" na Avenida, é um pouco "chocho"!

3 Comments:

Blogger tiago mota saraiva said...

Caro am, discordo quando dizes que a 2ª circular é "um dos elementos que melhor estruturam o desenho e "a imagem da cidade". Procura olhá-la de fora, do Campo Grande ou do Bairro do Relógio, é como um muro que se opõe à cidade. Por outro lado o seu carácter de via-rápida é diariamente subvertido pelos engarrafamentos provocados pelos fluxos diários, mas também, pelo tráfego que embora não se destine a Lisboa, vindo de outras paragens, é obrigado a passar por lá. O que se propõe é que a 2ª circular se transforme numa rua urbana.

A questão dos telhados é o início de um Tratado "Anti-traça". Tentar combater as ideias socialmente estereotipadas sobre boa arquitectura. Por que é que, no nosso clima, uma casa tem de ter telhado?

Relativamente à terceira ideia, é a que mais gosto. Contudo concordo que as grelhas, embora nos tenham parecido a materialidade mais óbvia, limitaram a ideia pela sua presença na imagem.

Abraços

6:10 da tarde  
Blogger tiago mota saraiva said...

Ah!

E obrigado pela crítica! Que embora não seja favorável, ajuda mais do que as que se apanham por aí.

6:20 da tarde  
Blogger AM said...

Caro Tiago

Concordo que a 2ª circular é um muro na cidade, mas, por esse motivo, não deixa de ser um "muro" que estrutura a imagem da cidade, foi isso o que quis dizer.

Sobre os telhados versus terraços, é sempre bom questionar os estereótipos e combater as "traças primitivas"... e, em particular, combater o estereotipo da cobertura plana = "boa" arquitectura.

Ainda bem que aceitaram com "fairness" (José Manuel...) as minhas opiniões críticas, que não se quiserem favoráveis ou desfavoráveis, mas apenas "ajustadas".

(O mais importante desta coisa dos blogues de arquitectura, é a possibilidade de pensar e de escrever sobre arquitectura em "tempo real" e para além dos cromos repetidos com direito a lugar vitalício na impressa da "especialidade")

Abraços e mais uma vez, parabéns ao MOB, pelo trabalho premiado... e, especialmente, pelo trabalho não premiado.

8:33 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home